segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Ronaldinho Gaúcho pede passagem

Na semana passada, após a seleção brasileira vencer naturalmente a Ucrânia em amistoso na Inglaterra (hã?), a imprensa noticiou que o técnico Mano Menezes permanceria no Velho Mundo para acompanhar  alguns jogos, aproveitando a oportunidade para ver de perto jogadores que atuam por lá. A propósito, ver futebol in loco tem sido uma constante para Mano, que é frequentemente visto nos estádios daqui, durante o brasileirão – o oposto de seu antecessor, o inesquecível Dunga. Um dos compromissos presentes na agenda do técnico é ver o Milan, atual líder do campeonato italiano, e onde joga uma verdadeira república de brasilianos: Thiago Silva, Robinho, Pato e Ronaldinho Gaúcho. Os três primeiros têm sido convocados e são titulares, ao menos por enquanto, mas o último, com quem Mano teria conversado em particular acerca de seu interesse em vestir a amarelinha, segundo os sítios esportivos na web, tem motivado especulações de todos os lados, principalmente porque tem mostrado bom futebol ultimamente.

fonte: goal.com
O problema que Ronaldinho enfrenta, é a expectativa descomunal que o cerca. Todos querem vê-lo dominar a bola, driblar 7 adversários e marcar um golaço, parecido com o que fazia em sua melhor fase no Barcelona, o que lhe garantiu em duas ocasiões o prêmio de melhor do mundo. Quando mergulhou na má fase que o tirou do Barça e das convocações para a seleção, o Gaúcho mostrou que não estava preparado para lidar com as cobranças, e os recorrentes fracassos individuais o fizeram afundar numa rotina de boemia, o que nunca traz boas consequências a atletas.

Se ele está livre dos vícios, não se sabe, mas o bom futebol tem aparecido com a camisa do Milan. Sem o brilho de outras jornadas, ele parece estar sabendo se reinventar dentro das quatro linhas, afinal, aos 30 anos o corpo já não é mais o mesmo. No jogo contra o Chievo, válido pelo campeonato italiano, Ronaldinho mostrou o inquestionável talento através de passes importantes e boa movimentação. O entrosamento com Ibrahimovic e Pato tem se transformado em gols, e nada mais justo do que cogitá-lo novamente para a seleção brasileira.

Amanhã, Mano assistirá a um grande clássico do futebol europeu: Real Madri x Milan. Se não bastassem camisas com tamanha tradição, ainda teremos em campo craques do primeiro escalão do futebol mundial, o que só valorizará as atuações dos brasileiros, caso se confirmem as melhores expectativas. Para Ronaldinho, o Santiago Bernabeu, palco do jogo, traz boas lembranças. Ainda pelo Barça, quando ainda ostentava todas as láureas de melhor do planeta, em novembro de 2005, ele protagonizou uma vitória histórica do clube catalão sobre seu maior rival, o Real Madri. Após uma atuação de gala, os torcedores adversários o aplaudiram de pé, em sinal de admiração.

É o momento de Ronaldinho mostrar ao mundo que está recuperado de sua interminável má fase, diante de um adversário poderoso e diante de Mano Menezes, que poderá levá-lo de volta ao convívio da seleção brasileira para mostrar a capacidade de antes, que ainda está na retina de todo apreciador do bom futebol:

best_world_player_2005_ronaldinho10.com

2 comentários:

Miguel disse...

Novo passatempo:

Uma votação está a decorrer no blog.
Vá lá votar e contribua com o seu voto e a sua opinião.

http://imperiofutebolistico.blogspot.com/

cumprimentos

Miguel disse...

Novo passatempo:

Uma votação está a decorrer no blog.
Vá lá votar e contribua com o seu voto e a sua opinião.

http://imperiofutebolistico.blogspot.com/

cumprimentos

Related Posts with Thumbnails